sexta-feira, dezembro 25, 2009

Gostava mesmo de saber como é que te vais sentir

Acabou.
Tal como veio também se foi.
Não dei por ele a chegar nem por ele a ir.
Acabou hoje o Natal.

Amanhã vais viajar.
Amanhã vais voltar ao país que também passou a ser o meu.
Gostava de saber como é que te vais sentir quando entrares naquele quarto.
Gostava de saber como é que te vais sentir quando te deitares naquela cama.
Gostava de saber como é que te vais sentir quando comeres aqueles gelados que partilhámos, mas acima de tudo, gostava de saber como é que te vais sentir quando as pessoas que gostam de ti te perguntarem por mim.
Gostava mesmo de saber como é que te vais sentir.

É a primeira vez que vais para a Alemanha e que não vais enviar-me um sms de madrugada a dizer que a viagem só seria suportável se eu fosse contigo.
É a primeira vez que vais para a Alemanha e que não vais fazer horas para me telefonar de uma cabine deserta.
É a primeira vez que vais para a Alemanha sem me fazeres a promessa ridícula de que quando voltasses íamos ser novamente felizes para sempre.
É a primeira vez que vais para a Alemanha e que eu vou sentir que não vou contigo.
É a primeira vez que vais para a Alemanha sem me levares contigo na bagagem, no pensamento, no coração...
É a primeira vez que vais para a Alemanha desde que me deixaste, gostava mesmo de saber como é que te vais sentir.

Sabes, gostava mesmo que viesses aqui e que lesses este post.
É a primeira vez que vais para a Alemanha e que eu não vou chorar de saudades só por estar a contar os dias para te ver de novo.

3 comentários:

  1. Deve custar, a primeira vez. Mas também deve passar..., com o tempo.
    Aleluia!

    ResponderEliminar
  2. "Não há nada mais apaixonante e verdadeiro que a violência de um coração partido."

    Pamela Martini

    ResponderEliminar